CONSULTORIA FEBRACT PARA COMUNIDADE TERAPÊUTICA

As Comunidades Terapêuticas (CTs), existentes no Brasil há mais de 50 anos, congregadas pela FEBRACT e orientadas pelo seu Código de Ética e pelos parâmetros legais vigentes, são atualmente os equipamentos que mais atendem dependentes químicos em regime residencial no Brasil.

Por existirem inúmeros locais que se denominam CTs, mesmo sem atender os requisitos mínimos para isto, que realizam práticas inadequadas e, até mesmo, violam os direitos dos seus atendidos, o público em geral e, principalmente, os representantes dos Conselhos de Medicina, Psicologia, Serviço Social, Direitos Humanos, Movimento de Luta Antimanicomial, e tantos outros movimentos, têm se manifestado recorrentemente contra a existência das CTs, solicitando de forma veemente que deixem de ser financiadas por recursos públicos e mesmo que o governo deixe de permitir sua existência.

É claro que estes grupos ignoram a relevância que as CTs têm no panorama atual do Brasil, e é nosso dever como CTs realizar um trabalho de excelência, tanto para poder validar nossa missão social quanto, e principalmente, para poder oferecer ao dependente químico e às famílias que nos procuram um serviço profissional e humanizado, que seja eficaz na resolução do problema da dependência química.

Para isto as CTs precisam constantemente de atualização e profissionalização das equipes, assim como da implementação de novas técnicas e estratégias, a fim de melhorar o desempenho.

Esta tem sido a missão da FEBRACT ao longo dos quase 30 anos de existência, ao desenvolver o Programa de Capacitação FEBRACT, que já formou mais de 20.000 trabalhadores de CTs, a través de cursos presenciais na sede de Campinas, assim como em cursos realizados fora da sede, com um corpo docente de especialistas em dependência química com renomada experiência no campo das CTs.

Mas considerando os desdobramentos da realidade atual, e pela demanda de inúmeras CTs filiadas e não filiadas, a FEBRACT reconheceu a necessidade de oferecer um serviço mais personalizado para as CTs como instituição, e não somente para os seus trabalhadores individualmente.

A gestão da CT tem sido um grande desafio para todas as equipes, mesmo as mais capacitadas, e conseguir resultados satisfatórios também tem se mostrado uma tarefa difícil. Por isto é iminente a necessidade de incorporar novas estratégias e técnicas de gestão e de intervenção, baseadas em evidências científicas.

Por este motivo a FEBRACT inova mais uma vez e oferece agora às CTs do Brasil o SERVIÇO DE CONSULTORIA para contribuir com seu progresso.

O que é o Serviço de Consultoria em CT?

A Consultoria é um serviço específico para a realidade de cada CT, realizado por profissionais da FEBRACT dentro da CT, com a sua equipe e dentro de sua realidade específica.

Esta Consultoria não é fiscalizatória, pelo contrário, visa apenas a melhoria da qualidade do serviço.

Em que consiste o Serviço de Consultoria em CT?

Consiste em uma ou mais visitas técnicas de um profissional da FEBRACT à CT contratante, visando realizar inicialmente uma Avaliação Institucional, a través da qual poderão ser detectadas e analisadas as potencialidades e as principais dificuldades da CT como instituição.

Nestas visitas o profissional terá contato com a equipe da CT, com o grupo gestor (Diretoria), com a estrutura física, documentação legal, e também com os acolhidos da CT, a fim de poder ter uma visão ampla da realidade da CT.

Após esta Avaliação Institucional, a FEBRACT desenvolverá um Projeto de Intervenção Institucional, personalizado e específico para essa CT, apontando formas de aproveitar melhor o que a CT já tem de positivo, assim como propondo estratégias de melhoria para os pontos que tenham se mostrado ineficazes ou que estejam comprometendo os resultados da CT como um todo.

Este Projeto de Intervenção será apresentado à equipe da CT contratante, com a qual se discutirão as formas de implementação possíveis de acordo com a sua realidade.

Após um período mínimo estabelecido no Projeto de Intervenção, a CT receberá uma nova visita técnica para avaliar os resultados obtidos com as novas estratégias implementadas, as dificuldades encontradas e as limitações institucionais para estas adequações.

De acordo com a necessidade da CT poderá ser desenvolvido um novo Projeto de Intervenção que se adapte às novas dificuldades encontradas.

A FEBRACT busca padronizar as CTs com este serviço?

Não, a FEBRACT não busca com isto padronizar as CTs, já que considera que a história e as características específicas de cada CT fazem parte de sua principal riqueza, e isto não pode ser perdido.
A FEBRACT objetiva que as CTs possam melhorar a qualidade dos seus serviços, sem por isso perder sua identidade institucional, da mesma forma que a lógica do serviço das CTs é que os acolhidos possam melhorar sua qualidade de vida, sem por isso perder sua identidade pessoal.

CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO DA CONSULTORIA

ORÇAMENTO

Solicite um orçamento

FEDERAÇÃO BRASILEIRA DE COMUNIDADES TERAPÊUTICAS