FEBRACT realiza a 4ª Conferência de Comunidades Terapêuticas

Durante o 5º Congresso Internacional Freemind 2018, a Federação Brasileira de Comunidades Terapêuticas (FEBRACT) realizou a 4ª Conferência das Comunidades Terapêuticas, em Campos do Jordão.

4ª Conferência de Comunidades Terapêuticas
Abertura da 4ª Conferência de Comunidades Terapêuticas

Com capacidade para 700 pessoas, o auditório Febract esteve lotado durante os 2 dias de conferência debatendo os temas mais importantes que envolvem o universo das Comunidades Terapêuticas.

Além disso, a FEBRACT ainda interagiu com os 1.500 presentes no Congresso através do seu estande de exposição.

O evento discutiu a Prevenção de Drogas com Base na Ciência no “Campos do Jordão Convention Center”.

A abertura da Conferência contou com uma mesa composta por:

  • Luis Roberto Sdoia (Presidente FEBRACT),
  • Pablo Kurlander (Gestor Geral FEBRACT; Presidente CONFENACT),
  • Gleuda Apolinário (Coordenadora COED),
  • Ricardo Valente de Souza (Vice-Presidente FEBRACT; Delegado FEBRACT RS),
  • Belisário Pena (Delegado FEBRACT-MG),
  • Liliene Farias (Delegada FEBRACT-BA),
  • Rosely Nabozni (Conselheira FEBRACT-SC;
  • Conselheira ACOMTESC-SC),
  • Mauricio Degelmann (Conselheiro FEBRACT-PR; Conselheiro FEPACT),
  • Carlos Thiago (Conselheiro FEBRACT-MS; Conselheiro Rede Solidária Antidrogas-MS),
  • Areolenes Curcino (Conselheira FEBRACT-DF; Presidente ACOMTE-DF),
  • Sherydan Luiza de Oliveira (Conselheira FEBRACT-GO; Presidente Associação Goiana de CTs),
  • Luzilde Rocha de Oliveira (Delegada FEBRACT-RO),
  • Thiago Massolin (Presidente CRENVI e COMPACTA – PR),
  • Adalberto Calmon (Vice-Presidente CONFENACT; Fazenda da Esperança),
  • Celio Barbosa (Tesoureiro CONFENACT; Presidente FENNOCT) e
  • Egon Schlüter (Secretário CONFENACT, Secretário Geral Cruz Azul no Brasil).

A Conferência contou com mesas redondas, discussões abertas e palestras. Entre os temas debatidos estavam os padrões de qualidade em programas de tratamento e certificação de profissionais em dependência química; o marco regulatório e boas práticas; a reinserção social na CT e articulação das CTs com a rede de serviços do território e espiritualidade.

Veja algumas fotos da 4ª conferência de comunidades terapêuticas