Óculos simulam efeito de álcool em teste

Motoristas sóbrios fizeram simulação  com óculos feita por concessionária em Sorocaba. Objetivo é mostrar a perda de sentidos após ingestão de bebidas.

Beber e dirigir não é uma boa combinação.

Pensando nisso, uma concessionária que administra quatro rodovias no estado de São Paulo decidiu conscientizar motoristas a não dirigirem após ingerir bebidas alcoólicas e escolheu uma forma diferente de fazer isso em Sorocaba (SP).

A ideia foi utilizar óculos que simulam a condição visual de alguém embriagado.

Óculos para simulação de embriaguez

O primeiro desafio foi fazer a pessoa de óculos andar em linha reta e tentar pegar um objeto à sua frente.

Em outro momento, os motoristas tiveram a oportunidade de dirigir em uma pista de testes utilizando os óculos.

Dirigir com óculos que simula embriaguez

“A pessoa embriagada, meu Deus… é acidente na certa. É difícil demais. Você não tem noção do que você está fazendo”, completa o agente administrativo Nilton Ferreira da Silva.

Outra participante do teste também sentiu dificuldades.

Dificuldade ao usar óculos

 

“Parece que tudo se misturou, foi bem difícil assim, com certeza eu não conseguiria chegar em casa viva e sã”, comenta a assistente de sustentabilidade Fúlvia Corredor.

De acordo com o médico Marcelo Okamura, o objetivo é provocar, nos motoristas sóbrios, os efeitos que poucas doses de álcool podem causar.

Sensação de embriaguez com óculos

“Ele propõe fazer uma experiência com uma pessoa lúcida, onde ela vai na verdade – ao usar – sentir os efeitos do álcool quando ela bebe aproximadamente três latinhas de cerveja , três doses de whisky, o suficiente para ela ter uma alteração do campo visual dela”, revela.

Só até setembro de 2016, a Polícia Rodoviária Federal multou mais de 12 mil motoristas embriagados.

Outros 11 mil também foram multados por se recusarem a fazer o teste do bafômetro.

Para sentir o risco que é misturar embriaguez e direção, os voluntários vão ainda até uma pista de testes para tentar dirigir com os óculos.

A dificuldade só aumenta.

“É interessante porque o condutor em plena consciência, estando são, ele tem a oportunidade de simular qual seria o seu estado de embriaguez. Então, é uma forma de perceber quais são os riscos causados pelo álcool”, finaliza o tenente da Polícia Rodoviária, Dene Ben.

Fonte: G1.com